22 de ago de 2014

Slaps And Kisses - 2° Temp. - 7° Capitulo.


ATENÇÃO: Pra quem quiser saber como é Ally , Anny , Rosa e Sabine aqui está 

~Boa Leitura~


- Mamãe ? Tio ?
- MEGAN ? - Falamos os dois juntos -
-Voces estão namorando? - sua pequena boca se fornava um O - 
- Não ele estava ... hm ... me mostrando uma coisa ai parecia que estavamos nos beijando mas nao estavamos.
- Que negocio? - Ela perguntou curiosa-
- o céu .. ér no céu - Megan e Justin olharam para cima e me encararam confusos -
- Mas Mamãe nao tem janela e tem um teto aqui em cima - ela olhava para o teto curiosa- 
- É também to procurando o céu - justin gargalhou sarcastico - 
- vai se fuder - sussurrei para ele -
- Então que tal ir ver se o chocolate ta pronto ? 
- To indo - ela saiu correndo -
- Será que ela vai esquecer ? - Justin me olhava com o cenho franzido - 
- Ah nao vai não essa garota é mais esperta que nós dois juntos

    Ficamos algum tempo sentados eu tentando me manter o mais afastada possível daquele homem e Justin tentando se manter o mais próximo possivel , assim que Sabine saiu da cozinha segurando um balde de pipoca e tres xícaras de chocolate quente Justin ja havia colocado o filme e estava no pause.

- vem assistir com agente - Megan puxou sabine - 
- nao pequena vou me deitar estou cansada 
- mas sabine - megan fez beicinho -
- esse seu beicinho é tão convincente quanto o de Justin mas me desculpe querida - sabine deu um beijo em sua testa - Boa noite queridos , juizo.  - olhou para mim e Justin que sorrimos.

  Justin subiu correndo e Megan tomou seu lugar se deitando em meu peito olhando a televisão pausada e logo Justin voltou e sentou ao lado de Megan  com um cobertor e cobriu nós três Megan logo me abandonou e se aconchegou em Justin e eu ri aquela cena fofa ela era tao minúscula perto dele.
  O filme começou e comemos a pipoca toda e o chocolate antes do final aquilo estava perfeitamente aconchegante era uma coisa calma e tão em ... familia

- Pronto agora podemos ir para casa - falei depois de escutar Justin e Megan comentar sobre o filme " Os smurfs" que havíamos acabado de assistir-
- Acho que estamos impossibilitados de sair daqui - Justin falou indo até a janela e abrindo a cortina , o temporal que caia do lado de fora era amedrontador -
- Preciso ir embora Justin - falei não querendo passar a noite ali - 
- Não vou arriscar a vida de vocês neste temporal - Justin falou grosso -
- Podemos ficar aqui mamãe esta legal - ela sorriu animada - 
- Se você não vai arriscaria , um taxista sim - falei pegando o celular vendo Justin me olhar sorrindo entao percebi que o celular estava sem área- CARALHO - xinguei alto -
- Ninguem sai dessa casa sem ser comigo Alexandra - Justin trancou a porta e as janelas pelo vento forte que batia assim que eu me sentei no sofa - 
- Aonde iremos dormir ? - perguntei sem humor - 
- Megan dormirá no quarto de hóspedes - Justin sorriu feliz por eu e ela ficarmos - 
- e a mamãe ?
- a mamãe dormirá em outro quarto pq no quarto que você vai dormir só tem uma cama princesa - Justin sorriu e a pegou no colo - 
- Então vamos ja para a cama - Falei olhando para o relógio que marcavam 23:55h -
- Não mamãe ta cedo - ela choramingou -
- essa é a hora q voce ja deveria estar dormindo , ja esta tarde 
- Quer mamá entao - ela fez bico -
- essa moçona mama mamadeira ? - Justin perguntou - 
- Sim justin ela só tem 5 anos sabia - falei e ele ergueu a sobrancelha -
- Só ? Menina prodígio - ele falou rindo - mas oque faremos agora nao tenho mamadeira aqui ? 
- Toda mãe anda equipada é a primeira coisa que aprendemos quando a criança nasce - falei indo até minha bolsa - 

 Fiz mamadeira de Megan enquanto Justin conversava coisas bobas e a fazia rir na sala  e assim que acabei subimos colocando-a na cama e entao ela me de um beijo e um beijo em Justin e falou o quanto estava feliz e que nos amava , vi Justin encara-la como bobo e suspirei.

- Onde vou dormir ? - perguntei assim que saimos do quarto de Megan -
- Comigo - Falou me puxando pela mão com um sorriso bobo e sexy nos lábios  -
- Mas justin... 
- Seja minha esta noite - sorri envergonhada -
- Hm ... Posso tomar banho ? - Perguntei desconversando , não queria entrar naquele assunto -
- Pode sim - Ele entrou no closet e saiu com uma camisa dele na mão - Use para dormir 

  Peguei a camisa e minha bolsa e entrei no banheiro , deixei a água correr pelo meu corpo querendo que ela levasse todo aquele peso sobre minhas costas , minha mente estava bagunçada , Megan é tão apaixonada por Justin é como amor a primeira vista os olhos brilham quando veem ele , e ele mesmo sem jeito está sempre sendo carinhoso com ela é como uma conexão de amor sincera, como eu posso ficar quieta diante disto. E eu .. bom eu amo ele com todas as minhas forças , era como um imã que por mais que eu queira me manter afastada me puxa de volta para ele.

- Desculpe a demora - Falei sorrindo assim que sai do banheiro , vestida com uma camisa que tampava um pouco abaixo de minha calcinha e um conjunto de renda roxo e preto -
- Sem problemas -Falou se levantando , ele estava apenas de short , sem camisa , sem nada -
- Deveria colocar algo quente , está frio - falei sem tirar os olhos de seu abdomên -
- Te incomoda ? - Sorriu e elevou a mão alisando minha bochecha -
- Nã-não - Gaguejei quando ele me puxou pela cintura e mordeu os lábios -
- Não parece - sorriu e beijou minha bochecha - Quer assistir filme ? - Falou ainda sem soltar meu corpo -
- Sim , terror ? - Sugeri , não que tivesse passado pela minha cabeça que com um filme de terror eu sentiria medo e me agarraria a ele .. na verdade passou sim! -
- Sim , ótima escolha - falou sorrindo -

  Justin fechou todas as cortinas e a porta deixando tudo incrivelmente escuro e se deitou do meu lado me puxando para seu peito enquanto o barulho da televisão soava pelo quarto.

  Quando mais medo sentia mais eu enfiava a cara no peito de Justin que gargalhava com todos os pulos que eu dava e quase gritos que eu soltava.

- JUSTIN TIRA ISSO - Gritei me levantando -
- Porque amor ? - Ele perguntou rindo -
- Tira logo caralho - joguei a almofada nele que levantou gargalhando e desligou a televisão colocando no Bob esponja que passava no canal da Nickelodean -
- Oque foi anjo - Senti ele me abraçar por trás e eu suspirei , aquilo era tão coisa de casal -
- Deu medo poxa - murmurei como uma criança chateada -
- Deixa eu tirar seu medo - falou me virando para ele e eu enlacei meus braços em seu pescoço - 
- Como ? - sussurrei sentindo seu hálito quente em meu rosto -
- Vamos descobrir ... 

 Ele roçou o nariz no meu lentamente me fazendo fechar os olhos em resposta entreabrindo os lábios, três batidas ecoaram pelo quarto e justin praguejou baixinho.

- Tio - uma vozinha baixa chamou na porta e Justin foi rapidamente abrir -
- Oi princesa - ele abaixou pegando-a no colo -
- Mamãe ? Você vai dormir com o tio Justin ? - Ela perguntou curiosa -
- Não , só ... hm .. estavamos assistindo filme - Eu respondi rapidamente -
- Não estou conseguindo dormir - ela enfiou o rosto no pescoço de Justin e o abraçou -
- Quer ficar com o tio até dormir ? - ele alisou os longos cabelos que caiam sobre seu rosto -
- Queru 
- Am... -O encarei e ele se calou antes de soltar um "Amor" - Alex desliga a televisão e liga o abajur por favor - Pediu e se deitou na cama - 

  Megan deitou literalmente em cima dele a cabeça em seu peito as pernas pequenas em sua coxa e ele cobriu seu corpo fazendo cafuné nela , aquilo me fez sorrir como uma boba , os cabelos dela da cor dos dele , a cor da pele , o rostinho bonito , tudo era Justin e eu era apenas uma apaixonada pelos dois , pelo carinho de ambos um com o outro.

- Deita aqui - ele sussurrou me chamando para deitar em seu lado e eu o fiz -
- Acho que alguém dormiu - sussurrei depois de quase 20 minutos -
- Vou coloca-lá no quarto - Levantou e saiu porta a fora com Megan no colo -

  Eu fiquei ali , sentada quase 30 minutos quando Justin subiu com um copo  d'agua , ele fechou a porta e apagou tudo novamente vindo até a mim que estava deitada na cama e se jogando em cima.

- Ai - resmunguei rindo -
- Aonde paramos ?
- Hm ... na hora que iamos dormir 
- Creio que não - falou e deu um selinho em meus lábios saindo assim que eu ia entreabrindo os lábios para buscar por sua língua - Tem certeza que era isso ?
- Não - sussurrei encarando os lábios rosas á minha frente - Você ia me beijar 
- Você queria ? - ele chegou os lábios tão perto do meu que eu gemi quando ele afastou -
- Siim , muito - falei desesperada -

  Quando sua boca percorreu a minha uma sensação de alivio tomou meu corpo , era tão bom ter aquela boca sobre a minha , aquela lingua buscando a minha com hora com calma e paixao ,outra com desejo , seu beijo era calmo e desejoso mas suas mãos eram rapidas e ageis adentrando a blusa e apertando minha cintura , a outra apertando minha coxa me fazendo suspirar

- linda - sussurrou em meu ouvido e mordiscou o lóbulo -
- Gostoso 
- Safada 
- Delicia -Então ele voltou a me beijar - Justin - sussurrei -
- Oi ?
- Quero voce , por favor faz amor comigo hoje - pedi quase como uma suplica , a anos eu vinha pedindo aquilo , a anos eu esperava por aquilo , mesmo ele tendo me machucado muito eu ainda queria ele , queria tanto que chegava a doer -
- Alex ... - seus olhos encaravam os meus com um brilho intenso -
- Por favor - sussurrei vendo-o desarmar , então sai de cima de mim e esticar a mão para que eu pegasse -
- Oque vai...
- É oque realmente quer ? - ele perguntou e eu assenti com toda certeza do mundo - Então confia em mim e me deixe fazer dessa noite a melhor do mundo - seu sorriso foi tão intenso que eu pulei da cama  -

  Justin me deu um beijo estalado na bochecha antes de entrelaçar os dedos no meu e me puxar para longe do quarto , descemos a escada com calma e assim que chegamos na porta para o quintal atrás da casa Justin tampou meus olhos.

- Acho que nos molharemos um pouco - Ele sussurrou e começou a me guiar -

  Senti os pingos de chuva em mim e minutos depois estava me sentindo quase encharcada pela chuva forte , quando Justin tirou as mãos dos meus olhos e me abraçou por trás pela cintura , parados ali na chuva meus olhos brilharam.
   Um gramado enorme e incrivelmente verde e a nossa frente um quarto , bom era quase um quarto as paredes e teto eram de vidro e a camada alta do chão era de madeira de fora eu não conseguia ver oque havia dentro , mas de dentro eu com certeza conseguiria ver oque tinha fora , olhei admirada  para aquele lugar.

- Venha princesa - ele me puxou pela mão , me tirando do transe e da chuva , mas antes de sair do lugar eu o puxei para mim -
- Perfeito - sussurrei sorrindo e então ele me beijou , encharcados andamos ainda nos beijando , Justin parou e abriu a porta para entrarmos -

  Assim que ele á abriu meu queixo caiu , uma cama redonda no centro com lençóis brancos em volta apenas luzes acesas em velas espalhadas pelo local , tudo que eu sentia naquele momento era uma felicidade aguda , olhei em volta e eu podia ver tudo que acontecia ao lado de fora , os pingos de chuva que caiam no teto de vidro , o gramado verde em volta de nós , era como um quarto quadrado de vidro á céu aberto.

- Me desculpe se foi pouco , foi a unica coisa que eu pensei de ultima hora - me abraçou por trás e segurou meus cabelos beijando minha nuca enquanto falava -
- Perfeito - Murmurei enquanto um arrepio corria minha espinha com seus beijos -
- Você é a primeira que eu trago aqui , seja a ultima também - me virei lentamente - Seja minha sempre 
- Eu sou sua!

   Quando ele me beijou o mundo em volta parou , ele me apertou contra seu corpo me empurrando para a cama como se necessitasse me tocar com urgencia , a mesma urgencia que eu sentia para toca-lo , para beija-lo e senti-lo. Suas mãos passeara minhas pernas e cintura arranhando e apertando , então ele se afastou levantando a camisa desvendando minha barriga e cintura , enquanto levantava o resto Justin abaixou e beijou de minha calcinha até meus seios me sentei deixando-o tirar todo o resto da camisa , me deixando apenas de roupas intimas e ele me beijou novamente , ficando entre minhas pernas prencionando o corpo contra mim e pude sentir seu membro duro em minha intimidade.

- Eu to muito louco por você - Ele sussurrou encarando dentro de meus olhos -
- Eu também.

  Então ele voltou a me beijar , empurrei seu short para baixo e Justin o tirou , ficando apenas de Cueca preta , ele desceu os beijos , por meu pescoço , ombro ,até chegar em meu sutiã arqueei as costas para que ele tirasse e senti meu rosto corar quando ele começou encarar as duas montanhas brancas a sua frente , ele murmurou algo que não entendi antes de passar a lingua por meu mamilo e chupa-lo levemente , filho da puta , gemi baixo e ele levantou a cabeça me olhando , era um som novo para ele , Justin nunca ouvirá meus gemidos tao intensos , chupou o outro , e começou a massagear o que agora não estava mais com sua boca.

- Delicia - sussurrei e ele gemeu baixo -

  Seus lábios desceram por minha barriga assim que meus dois mamilos já estavam a ponto de bala , apertando minha cintura forte Justin puxou minha calcinha com a boca conforme ia baixando beijava toda a extensão de minha intimidade me fazendo ansiar por ele tocar mais abaixo, quando ele abaixou minha calcinha até a metade da coxa , sua língua molhada passeou por ali , molhando , lambendo e eu queria abrir as pernas e sentir sua lingua por completo , estava quase implorando para ele tira-lá quando ele percebendo então a tirou e se afogou ali , com delicadeza ele chupou e lambeu com maestria me fazendo gemer (GIF) ele se afogou no meio de minhas pernas me fazendo tremer as pernas e arquear as costas com sua língua passeando por meu clitóris me lambendo me chupando e me fazendo delirar. 
 (GIF).

- Porra Justin - Gemi alto , senti minhas pernas tremerem e uma vontade de gozar -
- Oque foi amor ? - Perguntou e logo após enfiou dois dedos e começou a enfia-los rapido em mim me fazendo delirar -
- Para amor , para - gemi descontrolada me sentindo quase lá e ele levantou subindo colando seu rosto ao meu -
- Porque ?
- Eu quero você - gemi puxando seu pescoço -
- Estou aqui
- Faz amor comigo agora - ele respirou fundo -
- Ah como eu esperei por isso - Ele sussurrou mais para si mesmo , como se estivesse pensado alto -
- Então faz amor comigo até o dia clarear - sorri -
- Eu poderia fazer amor com você pro resto da vida - Sorriu e tirou a cueca sem se levantar , olhei para baixo seu membro era grande , duro e estava melado oq me fez morder os lábios -

  Quando Justin encaixou em minha intimidade e me beijou intensamente , me fazendo sentir apenas a cabecinha de seu membro dentro de mim e Justin gemeu contra minha boca aquilo me deixou incrivelmente mais molhada então impulsionei minha cintura para baixo fazendo-o entrar de uma vez em mim e gemer alto.

- Porra... - Ele gemeu com a boca a sentimetros da minha e eu gemi junto -

  Justin começou a um movimento lento me deixando senti-lo a cada sentimetro dentro de mim e eu estava desesperada com aquilo , ele era gostoso e me fazia ir a loucura com movimentos lentos como aquele , eu me sentia incrivelmente preenchida como nunca havia me sentido antes, então Justin começou a ir mais rápido um pouco (GIF) e depois mais rápido gemendo junto comigo , os gemidos se misturavam formando um som sexy e gostoso , justin se levantou e me colocou de quatro a sua frente empinei minha bunda para ele que meteu rapido e forte.

- Se masturba para mim gostosa - Falou e estapeou minha bunda deixando-a vermelha e me fazendo gemer de tesão -

  Comecei a me masturbar sentindo minhas pernas tremerem e o orgasmo querendo me atingir , assim que Justin percebeu ele meteu rapido e forte gemendo como se estivesse quase lá também , então eu deixei vir ,gemendo alto  sentindo espasmos , minhas pernas tremeram e eu gozei liberando tudo de dentro de mim, logo os urros de Justin ecoaram e ele gozou e nós caimos deitados , as respirações ofegantes , os corações acelerados e a cama bagunçada misturando-se a uma felicidade imensa.

- Justin ... - O chamei e ele se virou para mim ofegante - Eu te amo ...

AEEEEEEEEEEE FINALMENTE ELES TIVERAM A PRIMEIRA VEZ DESCENTE NÉ ? 
DAQUI EM DIANTE A PUTARIA VAI ROLAR SOLTA KKKKK FAÇAM PERGUNTAS QUE EU VOU RESPONDER TUDÃO NO PROXIMO CAP , SÓ NÃO RESPONDO NESSE PORQUE TA TARDE E EU TO MUITOOO CANSADA :3 

E AH FAÇAM FAVORZINHO , LEIAM E COMENTEM O BLOG DA LINDA DA GABII :3

BEIJU DLÇS

  17 COMENTÁRIOS 

19 de ago de 2014

Slaps And Kisses - 2° Temp. - 6° Capitulo.


 Ramon entrelaçou os dedos em meus cabelos e a outra mao em minha cintura e me deitou no sofá , ficando por cima de mim, quando senti sua mão por debaixo de meu vestido meu coração acelerou , eu queria fazer aquilo ... mas eu não queria fazer aquilo , ah caralho.



- Alex ? Oque foi ? - Ramon chamou minha atenção -
- Ér... 
- Você não quer ? Eu paro - falou se afastando -

   Respirei fundo e o puxei novamente deixando-o esmagar meu corpo com o dele , foi então que puxei sua camisa tirando-a de seu corpo , o corpo grande e musculoso me deixava com calor então arranhei aquela região.

- Vamos para o quarto ? - Ele murmurou ofegante -
- Não , aqui mesmo - respondi beijando-o novamente e então ele se levantou sentando no sofá e me puxou para cima dele arrancando meu vestido de meu corpo e deixando-me apenas de calcinha -
- Uau - ele suspirou olhando para meus seios colados em sua cara por eu estava sentada em cima dele - Que delicia - falou lambendo o mamilo e eu gemi - ah então alguém gosta disso - sussurrou sexy e abocanhou meus seio , sugando o mamilo levemente me dando uma excitação desconhecida -

  Eu já estava no pico da excitação , minha calcinha estava encharcada , ele deslizaria facil para dentro de mim a qualquer momento , então ele baixou a mão e massageou meu clitóris duro como uma pequena pedra me fazendo quase gritar com o prazer que aquilo me dava.

- Porra você me deixa muito duro - falou puxando meu cabelo para trás -

  Ele se levantou me colocando de pé e arrancou a calça jeans que usava , desvendando uma box roxa e uma bunda incrivelmente grande , e sua ereção , me fez arregalar os olhos enquanto ele andava e ligava o som alto. Quando ele voltou e eu sentei em seu colo novamente eu rebolei no ritmo da musica lenta e ao mesmo tempo excitante que pairava pela sala , escutei ele gemer quando eu empinei a bunda e rocei em seu membro , então ele me puxou com força me fazendo debruçar e apoiar nas costas do sofá e empinar a bunda , em segundos ele colocou a camisinha e foi então que senti seu pau roçar minha entrada encharcada e ele gemer.

- Ra.. ramon - gemi e ele grunhiu quando penetrou -
- Gostosa e molhadinha - entao ele fez um vai e vem leve e calmo , como se quisesse apenas sentir o prazer que aquilo estava proporcionando -
- Awn.. vai rapido 
- Porque delicia , assim não está bom ? - ele falou e enrolou meu cabelo no braço e puxou eu gemi , não de dor , mas de prazer -
- Está... delicioso. 
- Então porque quer que eu vá rápido ? - Eu gemi alto quando ele puxou novamente -
- Porque eu quero sentir você forte dentro de mim porra

  Então ele segurou minha cintura e meteu com força , logo depois foi rápido , tão rápido que eu quase levei o sofá para o chão , gemi com vontade , alto , deixando o prazer me dominar ...

Andrey Narrando -

Minha cabeça estava girando , tudo estava extremamente confuso , Ally havia me ligado e ficamos conversando horas , eu queria estar com ela e Anny havia me mandado mensagem e queria me encontrar a noite e eu não respondi e me deu uma pena. Meu celular tocou novamente e no visor o nome de Ally apareceu.

~Ligação On~

- Oi - ela falou -
- Olá , que bom ouvir sua voz - falei sem pensar , mas era tudo que eu senti naquele momento , uma felicidade ao ouvir aquele "Oi" -
- Eu gosto de ouvir a sua também , entao ... que tal ?
- Me desculpe linda , mas já havia marcado com minha amiga 
- Sua amiga , namorada , peguete ?
- Só amiga! 
- Duvido - ela soltou uma risadinha -
- Me desculpe , é só que eu realmente já havia marcado.
- Okay , quando quiser sair um dia desses , me liga - Ela parecia desanimada -
- Ally me des...

~Ligação Off~

  Taquei o celular na cama com raiva , e bufei , eu queria ela , aquela vozinha fofa e nem parecia uma mulher experiente de 20 anos e sim uma adolescente de 17 que queria apenas viver e ser feliz.

"Anny , nos encontramos as 20:00horas ?"

"Claro , pode vir na minha casa , estou sozinha"

"Okay"

  Eu não estava lá tão animado para ir para lá , eu estava feliz por estar com ela , mas ao mesmo tempo era como se meu corpo simplesmente não quisesse estar ali. Me arrumei , uma calça , tenis , uma toca caida para trás e uma blusa de manga longa entao sai de casa.
   Toquei a campainha de sua casa eram 20:30 , quando abriu vi ela sorrindo ,e sorri ainda cabisbaixo.

- Boa noite linda - sorri beijando o canto de sua boca -
- Boa noite, entre - entrei e ela trancou a porta - Vamos lá para cima.

  Segui ela até o quarto branco com detalhes roxos e bem decorado , eu estava totalmente chato , eu não sei se queria estar exatamente ali.

- Oque você tem ?
- Nada linda, porque ?
- Parece desanimado , triste.
- Desculpe , estar assim briguei com uma amiga ela queria encontrar comigo hoje , mas eu vim ver você e ela não gostou muito.
- Ah ... qualquer coisa podia ter desmarcado comigo - ela em minha frente e alisou minha bochecha -
- Não queria te deixar , eu já tinha marcado que te veria.
- Então melhore esse astral , oque posso fazer pra melhorar isso ?
- Me aperta muito e me enche de beijar - eu sorri e ela se jogou em cima de mim apertando meu pescoço e eu cai deitado na cama -

  Como eu posso deixar uma coisa dessa de lado ?...

Alexandra Narrando -

  Jogada no sofá da casa de Ramon junto com ele , senti meu coração apertado , um arrependimento começou a tomar conta de mim eu nao deveria ter feito aquilo , não que não tivesse sido bom , foi ótimo mas e o Justin ... Não tinhamos nada mais era como um sentimento de traição.

- Oque foi ? - Ramon perguntou levantando e se sentou do meu lado -
- Nada , preciso ir embora - sorri de leve e ele alisou meus cabelos -
- Quer um banho ?
- Nao , só preciso ir para casa mesmo , está extremamente tarde e Megan vai fazer um monte de perguntas.
- Ta cedo , vai nao - falou beijando meu pescoço -
- Sao 2:30 da manhã , ta muito tarde.
- Okay , vamos vou te levar.

 Fui o caminho todo calada , eu estava me sentindo imunda , corri para dentro dando um simples "Obrigado" quando chegamos , não tinha ninguém acordado então corri direto para o banheiro me enfiando dentro de uma banheira de água quente e querendo nunca mais sair.
  Escutei meu celular vibrar perto da banheira e o peguei vendo o nome de Justin na tela.

" Perdi o sono , me desculpe incomoda-lá essa hora"

  Contei até 100 sentindo meu corpo tremer e respondi.

" Não me acordou , nem dormi ainda"

"Porque ?"

" Ahn ... nada"

Nenhuma resposta foi dada em menos de 5 minutos , logo o celular tocou e o nome de Justin apareceu na tela , não creio que ele esteja me ligando essa hora.

~Ligação On~

- Oque houve ? - sua voz autoritaria adentrou meus ouvidos - 
- Não houve nada Bieber - Respondi grossa- 
- Não é oque parece ? Como foi o encontro com seu "Amigo"  - Perguntou como se se importasse -
- Foi ... hm ... bom.
- Oque aconteceu ?
- Jantamos ué.
- Apenas ?
- Me deixa em paz e pare de fazer perguntas.

~Ligação Of~

  Naquela noite quando consegui dormir já eram quatro e meia da manhã , eu estava acabada , pscicologicamente , emocionalmente  e não queria falar ou ver ninguém.

- Mamãe , MAMÃE - Acordei assustada , Megan estava deitada com um sorriso enorme debaixo das minhas cobertas -
- Bom dia princesa - sorri leve vendo-a  me olhar -
- Oque você tem mamãe ? ta tarde , levanta 
- Que horas são ?
- São duas horas. 
- PUTA QUE .. merda. - Conti o palavrao vendo Megan me olhar com os olhos curiosos -
- Mamãe , onde o tio andrey dormiu ?
- Na cama dele , porque ? - Franzi o cenho vendo ela fazer careta -
-  Ele chegou de manhã bonitão 
- Era só oque me faltava - bufei irritada -
- E ele mandou te dar uma novidade - ela sorriu - A vovó e a tia Nanda tão vindo pra cá - ela pulou animada na cama -
- FERNANDA ? Ai caralho ta melhorando. Pare de pular coelhinha -puxei ela para baixo fazendo cacegas -
- PARA MAMÃE -Ela soltava uma gargalhada gostosa -

  Fiquei deitada com ela assistindo desenho por horas , aquele era o melhor remédio para a tristeza que eu tava , no meu celular mil ligações de Justin pairavam perdidas porque eu não quis atender. 

Justin Narrando -

  O dia passou lerdando , Alex não me atendia por nada e eu estava me sentindo completamente rejeitado , o segundo dia veio como uma avalanche de sentimentos , medo de perde-lá novamente , tristeza e angustia me invadiram como a chuva inunda casas.

- Oque houve senhor Bieber ? - Rosangela perguntou -
- Nada Rosa. - Suspirei sem encara-lá -
- Okay , qualquer coisa me chame. - Assenti sem prestar muita atenção -

  Eu precisava dar um jeito nisso , se ela não queria me ver mais pelo menos me falasse isso , não precisava apenas me deixa assim , mal , depois de ligar mais de cinquenta vezes eu desisti.
   Já eram 18:30 quando sai do colégio , fui parar casa tomar um banho e esfriar a cabeça o dia tinha sido o pior do ano.

- Que cara é essa menino ? - Sabine perguntou assim que cheguei -
-  Nada , só não estou bem. 
- É a Tal alexandra né ?
- Sim , ta tão na cara assim ?
- Sim querido , oque houve ?
- Ah ... ontem ela estava toda estranha , desligou o celular na minha cara , não me atende mais essa mulher me deixa louco.
- Vá atrás dela - Sabine falou como se fosse o óbvio a fazer -
- Mas ela não quer nem olhar na minha cara - murmurei -
- E oque tem ? Você fez algo de errado ? - Neguei com a cabeça- Então pronto.
- Acho que vou.
- Querido - ela chamou minha atenção antes que eu subisse - Pelo amor de Deus tire esse terno , coloque algo casual.
- Porque vocês tem tanta emplicancia com meus ternos ?
- Porque você usa eles o tempo todo , só tira pra dormir e se pudesse nem tirava , como se não tivesse um closet cheio de roupas de homens da sua idade.
- Okay , okay.

  Subi correndo e me enfiei debaixo do chuveiro , queria que ele levasse embora da minha memória todo aquele dia chato e horrivel , Quando sai coloquei um supra , uma calça e uma blusa qualquer , era tão normal me olhar no espelho e ver o terno , gravata e cabelo arrumado que quando olhei e vi aquilo eu ri de mim mesmo.

Quando desci Sabine sorriu e veio me abraçar.

- Eai ? to gatão né ? - Sorri rodando e ela gargalhou -
- Ta lindo querido ,agora vá atrás dessa menina sortuda.
- Tchau Sa.

 Corri para o carro , eram 20:00h da noite já , quando cheguei na casa de Alexandra desci e logo toquei a campainha sendo atendido por Lucy a tal babá de Megan.

- Oi .. a Alex está ?
- Sim senhor , mas ela não está muito bem para visitas. - Ela fez sinal para que eu entrasse - 
- Sou irmão dela - Sorri e a mulher pareceu derreter me olhando de cima abaixo -
- Irmão ? Ela já falou bastante do tal irmão ,acho que é você - ela sorriu - Pode subir , dona Alexandra está no quarto dela.
- Obrigado. - Assenti subindo as escadas correndo-
- Eeei - escutei uma voz fina quando cheguei ao topo da escada -
- Oi ? - olhei para baixo vendo Megan de braços cruzados -
- Quem deixou você subir ? - Ela perguntava marrenta como a Alex -
- A Lucy , vim ver a Alex - falei olhando-a curioso , todas as vezes que eu via ela , eu me lembrava de algo , algo mexia comigo -
- Porque está com essa cara ?
- Nada...  Vou ver sua ma.. 
- Tio - ela esticou os braços para mim e eu a peguei no colo - Quer brincar comigo ?
- Ér... prometo que depois venho ta ? É que agora vou ver a Alex.
- Posso ir com você - ela pediu mexendo no meu cabelo -
- Claro , vamos - Fui em direção ao quarto de alex com Megan no colo brincando com meu cabelo e bati antes de entrar -
- ENTRA - ela gritou então eu entrei sorrindo com Megan no colo -

  Assim que entrei ela deu um pulo , sua cara de espanto quando me viu com Megan no colo me fez parar de sorrir , ela me olhava com os olhos arregalados , acho que ela nao esperava me ver.

- Olá - sorri de lado e ela continuou parada -
- Justin ? Mas... oque ... 
- Boa noite , vim te visitar na verdade conversar. 
- Mamãe ele vai brincar com eu - Megan sorriu animada -
- Ah claro filha .. 
- Que tal ir da uma volta ? - Falei sentindo o clima pesado e Megan nos olhava como se percebesse -
- An.. pode ser , deixa só eu me trocar

  Ela entrou no banheiro e quanto saiu estava maquiada e com uma calça jeans e tenos e uma blusa colada que deixava seus peitos pulando para fora , oh mulher gostosa.

- Vamos? - falei e Megan estendeu os braços para mim novamente então á peguei no colo -
- Vamos.

  Alex estava completamente distante de mim , era como se ela quisesse achar um buraco no chão e ir para nárnia para não ter que me olhar , caminhamos lentamente até a praça, aquilo me fez ficar incomodado parecíamos uma ... Familia.

- Vai lá brincar filha
- Vem comigo tio - ela chamou me puxando pela mão-
- Agora não anjo , daqui apouco eu vou ta - falei me agachando -
- Ta bom  - Então ela saiu correndo praça a fora -
- Então - suspirei e nós nos sentamos em um dos bancos , me virei para ela vendo-a encarar tudo menos eu - Oque você tem ?
- Não tenho nada que coisa. - Ela bufou -
- Para de mentir para mim Alex - falei calmo , mais autoritario -
- Não estou mentindo , só acho que você deveria parar de pegar no meu pé - Suspirei -
- Você está na defensiva amor - falei vendo-a bater o pé irritada -
- NÃO ESTOU - Ela praticamente gritou , eu suspirei com maior calma e puxei seu rosto , fazendo-a encarar dentro dos meus olhos -
- Me diz oque está acontecendo amor.
- Você não vai querer saber - ela falou tirando minha mão -
- Claro que eu quero.
- Eu transei com o Ramon , o carinha que eu sai ontem a noite satisfeito ?
- Uma coisa ruim subiu pelo meu corpo no mesmo instante , qualquer resquisio de amor e paixão aperecia em meu rosto sumiram ,a penas uma raiva sem tamanho - Eu nao queria te deixar com essa raiva , porém você pediu então não me culpe. 
- Eu .. - Eu não sabia oque falar -
- Me desculpe , estou me sentindo um lixo
- Não precisa , não temos nenhum tipo de relacionamento. - A expressão em seu rosto ficou fria , ela travou o maxilar como se aquilo á tivesse afetado em cheio - Acho melhor eu ir ...
- Fique - ela sussurrou -
- Se eu ficar , será pior. - Falei me levantando -
- Pare Justin - Ela me puxou pela mão e se levantou. -
- Eu só to estressado ta ... preciso esfriar a cabeça.
- Desculpe... - Sussurrou com voz de choro -
- Não precisa se desculpar , como eu disse uma vez , ou varias vezes , eu não consigo nem imaginar outra pessoa tocando em você , lhe puxando pela cintura e te beijando -Não pude evitar de puxa-lá para mais perto de mim -
- Pare de fazer isso se depois irá me deixar só. - Ela falou irritada -
- Eu nunca irei te deixar só , Alexandra. - Me afastei com as mãos no bolso e fui embora -
- É EXATAMENTE OQUE VOCÊ ESTÁ FAZENDO AGORA SEU BABACA - Ela gritou e eu apenas ri andando em direção a rua do condominio -

  Assim que estava quase atravessando a rua algo puxou minha calça me deixando quase com a bunda de fora no meio da rua , olhei para trás e vi Megan , a copia de Alexandra.

- Óh você não deveria estar brincando ? - perguntei , eu não levava o menor jeito com criança -
- Onde você está indo ? - Ela perguntou curiosa -
- Pra casa , outra dia o tio vem brincar com você - Sorri e ela estendeu os braços e eu a peguei no colo -
- Posso ir com você ? -Seus olhos grandes de amendoim brilhavam -
- Acho que sua mãe ... não vai gostar muito da ideia 
- Por favor , agente pede - ela fez beicinho e eu não pude evitar de aperta-lá -
- Okay , vamos falar com ela

  Caminhei até Alexandra com ela no colo e quanto cheguei alex estava destraida olhando para o nada , cutuquei suas costas e ela deu um pulo quando em viu.

- Você não ia embora ?
- Temos um pedido a fazer. - Falei encarando-a nos olhos , vendo-a corar -
- Mamãe , posso ir na casa do tio Justin um pouco ? - Megan pediu com a voz meiga -
- MEGAN! - Alexandra repreendeu como se não tivesse gostado nada da ideia -
- Por favor mamãe - Ela pediu fazendo beicinho -
- Não , está frio , vai cair um toró , você não esta de casaco.
- Então vamos passar na sua casa e pegar um casaco. - Sorri e Alex me fuzilou - Quer ir na minha casa conosco ?
- Melhor não..
- Então vai deixar eu ir com ele ?
- Ah garota chataaa , eu vou com vocês. - Ela bufou irritada -

   Caminhamos dessa vez calados , a unica que falava era Megan e nós riamos , Megan trocou de roupa , ainda com os cabelos soltos mas agora um All star , uma calça jeans justa e uma blusa de manga longa preta , aquela menina era uma coisa linda.

- Nossa como está linda 
- Obrigado - ela sorri e agarrou minha perna -
- Você é identica a sua mãe
- Uma vez escutei ela disser que sou parecido com o meu pai - ela sorriu como se gostasse da ideia -
- Oh... - sorri e fiquei calado , até Alex sair do quarto-

  Fomos para minha casa no meu carro contrariando Alex que queria ir com o dela , a chuva caia fina sobre o carro e em menos de 30 minutos , ou talvez um pouco mais chegamos em minha casa.


- UAU - Alex murmurou - Lindo - Falou admirando a casa -
- Eu sei que sou lindo , obrigado - sorri convencido antes de descer do carro -
- Idiota. - Alex murmurou -

   Abri a porta de trás e tirei Megan levando-a até a cobertura por causa da chuva e voltei para pegar Alex com o guarda-chuva , ela segurou em meu ombro me dando um arrepio pelo corpo e um desejo de agarra-lá.
   Quando entramos , Alex estava admirada com tudo não só ela , mas Megan corria como um bichinho serelepe.

- Justin querido , como foi... - Sabine parou olhando para Megan que mexia no porta retrado em cima do hack -
- Sabine , essas são Alexandra Cure e Megan - Alex corou um pouco e Megan se virou para sabine -
- Ai que menina mais linda , bem que Justin disse que você era linda - Megan sorriu encantadora - Você é a cara ... - Sabine parou encarando-a e logo depois me olhou - Meu Deus! 
- Então , Olá prazer - Alex sorriu corando as bochechas -
- Olá , escutei muito falar de você - Sabine cumprimentou Alex com dois beijos na bochecha -
- Aé ? Espero que bem.
- Sim , muito bem - Elas gargalharam e Alex me olhou de canto de olho  -
- TIO - Megan chamou - Na sua casa tem chocolate ?
- Bom , não tem chocolate mas tem como fazer brigadeiro ou chocolate quente ?
- Hm ... - ela pensou um pouco - Chocolate quente 
- Sabine , pode fazer três ou quatro se a senhora quiser para nós ? - Sabine assentiu indo até a cozinha -

  Fiquei observando Alex que estava totalmente sem jeito em pé , quando Megan pareceu ligar o jato e subiu correndo as escadas , Alex suspirou.

- MEGAN VOLTE AQUI , AGORA - Ela gritou do pé da escada mas não obteve resposta -
- Quer ir lá em cima ? - Chamei rindo -
- Tenho opção - Eu ri e subimos correndo -
- MEGAN - Alex gritou como todas as mães sempre faziam , e puxou Megan pelo braço sentando na cama do quarto de hospedes - Viemos visitar a casa do Justin , não quero que corra , pule , suje ou quebre qualquer coisa que esteja aqui em volta , ou então conversaremos quando chegar em casa , entendeu ? - Alex falou séria e os olho dela se arregalaram -
- Sim mamãe , desculpe ter invadido sua casa tio - ela sussurrou como um cachorrinho manso -
- Own venha cá linda - abri os braços e ela veio correndo -
- Não mime muito Justin , se não ela fica sem vergonha.

  Depois de 30/40 minutos , Megan  estava na cozinha com Sabine e eu sentada no sofá da sala com Alexandra , ela estava quieta.

- Que tal assistirmos um filme com Megan ? - Falei chegando mais perto e ela tentou se afastar batendo no braço do sofá -
- Ai meu Deus , vamos ter que assistir "As 12 princesas bailarinas" novamente. - Alex bufou-
- Toda mãe tem que ver o filme que o filho mais gosta repetidas vezes.
- O pai também - Ela murmurou -
- Oque ? 
- Nada , vá chama-lá. - Me levantei e estiquei a mão para ela que a pegou sorrindo sem graça-
- Não precisa ter vergonha de mim - Sorri e a abracei pela cintura beijando sua bochecha -
- Pare , tem gente perto - Sussurrou acariciando meu rosto enquanto meu corpo estava colado ao seu -
- Oque tem ? 
- Alguém pode apare...- então á beijei -

   Ela rodeou os braços pelo meu pescoço aprofundando o beijo, sua lingua envolvia a minha com agilidade e delicadeza , ela beijava meiga , sexy e excitante ao mesmo tempo , apertei sua bunda e ela á empinou...

- MAMÃE ? TIO ? - Puta que pariu -
- MEGAN ? - Falamos os dois juntos ...

LEIAAAAM ESSA LINDA TA COMEÇANDO AGORA O BLOG :3

Respondendooooo: 

Anônimo (Thamy): Diva é você lindaaa :3
gabrielle caroline: Calmaaaa moça , ela vai contar primeiro espero eles interagirem 3:) kkkk e sim sim tenho o whats ai  - 021 985985273 -  me add lá :3
Anônimo (Gabiiih): Eu tambéém acho que ela trará problemas mas vamoos ver e cara eu sou apaixonada pela Megan e pelo Justin :3
Anônimo (Raabe xx): Espereeee ele vai pegar ela em breve e vai fazer direitinho akkkkkkkk 
Thais - @drauhlquenga : Siiim vai descobrir em breve gata :3
Anônimo (Ingrid): Andrey ainda vai ter problema por isso de indecisão kkkk e até eu to anciosa pra ele descobrir que é pai dela kkk eeee muitoooo breve eles vão foder 3:)
Anna Maia: Siiim , ela teve algumas coisas com Michael mas ele nunca foi nada demais só quem ela transou mesmo foi com eles. 
gennifer ellen: Taa incrivel amor , só muda o design porque é oque mais chama atenção no blog pelo menos comigo , eu gosto do blog pelo design desde o inicio kkk 
Alaide barbosa: Não sei exatamente quantos capitulos mas logoooo logoo ele vai saber :3
evenny miranda: Tudoooo na sua hora kkkk ele vai descobrir e eles vao ficar juntos pq eles nasceram um pro outro <3

                              15 COMENTÁRIOS